O encontro contou com a participação de diversas entidades representativas, na segunda, 13/06, no Sindicato Rural Patronal de Cascavel. Sob condução do presidente Alci Rotta Júnior, o encontro pautou, reflexões sobre a construção de pauta aos futuros governantes, entrega do cheque “feijoada da União”, promovido pelas Loja maçônica Nova União, validação do fórum Tendências Codesc com o tema: Desafios do Macrozoneamento para Cascavel 2050, entre outros assuntos relevantes para desenvolvimento econômico de Cascavel.
“Sindicato Rural, abre as portas para a nossa primeira reunião itinerante, é uma oportunidade ímpar de impulsionar o Codesc, entre nossas entidades, momento que abriremos espaço para participação de diretores das entidades que nos recebem, para saber mais sobre nossa missão. Além de estarmos atendendo uma reivindicação antiga dos conselheiros”, lembrou, o presidente Alci Rotta Junior, que tem a representação de 65 entidades de classe em Cascavel.
“Excelente iniciativa, será muito positivo essa interação pelas entidades e suas diretorias, é um novo momento do Codesc, expandir sua missão e ainda prestigiar os conselheiros presidente da entidade”, disse, diretor do Sindicato Rural, Paulo Cezar Vallini.

O presidente Rotta, fez uma breve apresentação aos diretores convidados sobre a missão do Codesc. “Há 10 anos nasceu o Conselho, com missão de pensar ações a longo prazo, com o tempo fomos consolidando ações e disseminado as tendências de futuro. Hoje contamos com a representação de 65 entidades representativas de Cascavel que de forma voluntária contribuem com desenvolvimento do município”, pontuou, afirmando que neste período de funcionamento, o Codesc já aponta os horizontes para mudanças atuais e o planejamento de um novo futuro ainda mais promissor. A participação da sociedade civil organizada é a alma do Conselho que, com o caráter deliberativo e consultivo, formula e promove políticas de desenvolvimento econômico e social.
Por Patrícia Pacheco